RIVER 0x5 FLUZÃO – Máquina passeia em Teresina na estreia da Copa do Brasil

Flu liquida o jogo em 18 minutos e aplica goleada na estreia da campanha do BI
O Fluminense atropelou o River na estreia da Copa do Brasil, com grande atuação de Luciano em Teresina. Para completar a goleada de 5 a 0, Marlon marcou um golaço no final, com uma bomba de fora da área, que morreu no ângulo esquerdo.
O próximo compromisso será o Fla-Flu de sábado, às 19h, no Maracanã, pela semifinal do Campeonato Estadual.

Foto: Lucas Merçon (Fluminense Football Club
Passeio de Luciano
O Fluminense quase abriu a contagem aos 2 minutos, em cabeçada de Digão. O River não gostou nada da ousadia dos visitantes e resolveu marcar pressão. Parece que era tudo que o Fluminense queria. Com espaços entre as linhas piauienses, Luciano recebeu e deixou Everaldo na cara do gol aos 13 minutos. Everaldo foi derrubado, Luciano cobrou e abriu a contagem. Cinco minutos depois, o River tentou sair jogando, o Fluminense abafou, roubou a bola e Everaldo saiu na cara do goleiro para praticamente definir a partida.
Com 2 a 0 no placar, o River perdeu completamente o ímpeto e acabou dominado. Aos 21 minutos, Daniel deixou Everaldo na cara do gol, mas o árbitro deixou de marcar pênalti claro. Quatro minutos depois, Victor Hugo salvou o River em cruzamento de Yony Gonzalez para Bruno Silva. Aos trinta e um, Marlon cobrou falta no canto direito e o goleiro mergulhou para salvar.
Aos 43 minutos, Luciano, mais uma vez, deixou Yony Gonzalez na cara do gol. Ele deu um corte no marcador e se atirou na área. O árbitro foi na onda e marcou o pênalti. Luciano cobrou, o goleiro fez grande defesa, mas Bruno Silva, que invadira a área na cobrança, soltou a bomba, mesmo sem ângulo, para balançar a rede.
Com direito a golaço no final
Daniel sentiu-se mal no intervalo e foi substituído por Caio Henrique. Logo aos 4 minutos, a defesa do River se enrolou toda e Yony Gonzales quase marcou na pequena área. O River reagiu em tentativa de Lineker de encobrir Rodolfo. Aos 11 minutos, Caio Henrique achou Yony Gonzales na área. Ele tocou por elevação, a defesa do River não conseguiu afastar e Luciano, dono do jogo, ajeitou na pequena área antes de balançar as redes.
O Flu quase ampliou aos 18 minutos, mas o goleiro defendeu o tirambaço de Ezequiel. Pouco depois, Everaldo deixou o adversário na saudade, invadiu a área e bateu mal, perdendo o quinto. Um minuto depois, Luciano, ele de novo, cruzou na cabeça de Everaldo, que bateu rente à trave.
Aos 28 minutos, Diniz colocou Marcos Paulo no lugar de Bruno Silva. Na primeira jogada, Marcos Paulo fez tabela espetacular com Ezequiel, invadiu a área, mas carimbou a defesa na hora da conclusão. Na sequência, Juan quase diminuiu para o River, mas enfeitou demais a jogada e encobriu a meta de Rodolfo, após falha da defesa do Fluminense. Aos 36 minutos, Luciano deixou o campo para a entrada de João Pedro.
Everaldo errou outra cabeçada à queima roupa aos 46 minutos. O goleiro mandou a escanteio. Na sequência, a defesa afastou e Marlon, de fora da área, soltou uma bomba, no ângulo, marcando um golaço para fechar a goleada com chave de ouro.
2019-02-27T13:08:37+00:00 fevereiro 5th, 2019|

Deixar Um Comentário