QUANTO VALE O SHOW??? Fluminense 1×0 Botafogo

Digão volta a ser o cara do Flu

Júlio César – Fez grande defesa no primeiro tempo em cabeçada de Kieza. Nota 7
Rodolfo – Substituiu Júlio César no intervalo e defendeu um pênalti, única jogada em que foi exigido. Nota 8
Leo – Esteve longe da atuação da última quinta-feira, mas mostrou a mesma vontade comovente. Nota 6
Gum – Não comprometeu. Nota 6,5
Digão – Foi o nome do jogo. Dono da grande área, impecável nas antecipações, ainda marcou o gol da vitória. Nota 9
Ayrton Lucas – Partida de altos e baixos. Cometeu pênalti infantil na segunda etapa, se afobou em uma jogada no primeiro tempo, mas, de resto, foi bem na defesa e nas ações ofensivas. Nota 5,5
Richard – Sempre bem nos desarmes e na recomposição, errou um ou dois passes, mas, de resto, não comprometeu. Nota 6,5
Dodi – Atuação discreta, mas com muito volume defensivo e bem na transição ofensiva. Nota 6
Luciano – Atrapalhou dois contragolpes do Flu e andou errando passes. Nota 3
Jadson – Ligou conra-ataque do Botafogo no começo, para não perder o hábito. Depois, não errou mais defensivamente. Apresentou-se duas vezes no ataque para definir o
jogo e foi pífio. Nota 5,5
Marcos Júnior – Correu muito e produziu pouco. Nota 5
Everaldo – Mais uma atuação importante, dando velocidade às ações ofensivas. Nota 7
Matheus Alessandro – Substituiu Everaldo e tentou manter a produtividade. Nota 5,5
Kayke – No único lance em que chegaria no momento certo na bola sofreu pênalti não marcado por Vuaden. Esteve abaixo da atuação de quinta-feira. Nota 4,5
Botafogo – Time ruim que dói. Mesmo assim, quase conseguiu o empate na base do abafa. Nota 4
Arbitragem – Deixou de marcar pênalti claro para o Fluminense no primeiro tempo, quase influenciando no resultado do jogo. Nota 3
2019-02-27T13:08:37+00:00 setembro 9th, 2018|

Deixar Um Comentário