Diniz encontra melhor formação do ano, mas Muriel ainda é ponto de interrogação

Para Muriel, não houve falha contra o Inter, mas o goleiro admite ter errado na derrota para o São Paulo

Foram três vitórias e quatro boas exibições nos últimos quatro duelos por Sul-Americana e Campeonato Brasileiro. O que chama a atenção é que nas três partidas em que saiu vitorioso, o Fluminense entrou com a mesma formação. Na única partida em que Diniz escalou Gilberto no lugar de Igor Julião, o Fluminense perdeu para o São Paulo, mas o principal ponto de interrogação segue sendo Muriel.

O goleiro tricolor, que estreou na primeira partida contra o Peñarol, tem um saldo positivo, com três vitórias e uma derrota. Além disso, tem feito grandes defesas, mas já angustiou a torcida tricolor com lances em que levantou suspeita de sua capacidade para ocupar a meta que já foi guarnecida por Marcos de Mendonça, Batatais, Castilho, Veludo, Félix e Paulo Vitor.

Muriel analisa gols “defensáveis”

Contra o Inter, no último sábado, a rebatida nos pés de Edenilson provocou críticas. Não tanto quanto o lance do primeiro gol do São Paulo, na única derrota  de Muriel com a camisa tricolor. Aliás, na opinião do próprio goleiro, não houve falha no lance do gol do Inter. Muriel admitiu, no entanto, que errou no gol do São Paulo, quando não conseguiu defender um chute de longe de Reinaldo, espalmando para dentro do gol.

– Eu acredito que poderia ter feito melhor. Foi um chute de longa distância, embora também muito difícil. A bola mudou bastante a trajetória. Nosso time não conseguiu encurtar e eu não vi a saída da bola, o que dificultou um pouco. No fim, ela balança um pouco e eu acabei indo para o lado direito, enquanto ela voltava para o meio. Contra o Inter, não tinha muito o que fazer. Muitas pessoas podem falar com relação a botar para o meio, mas era uma bola que estava perto, difícil pegar firme. Por isso, não teve como direcionar para fora, porque era um lance cruzado e eu estava com o corpo inclinado. Infelizmente, caiu no pé do jogador do Inter e acabou saindo o gol – declarou Muriel.

Muriel ainda terá muito tempo para mostrar serviço e conquistar a confiança da torcida, algo raro em se tratando de goleiros nos últimos anos. Para isso, precisa, no entanto, dominar fundamentos não tão exigidos dos goleiros, exceto no Fluminense de Fernando Diniz.

Goleiro treina na linha e marca até gol

Apesar de saber que precisa dominar o jogo com os pés, Muriel sente-se à vontade com o treinador.

– O Diniz está me deixando bastante à vontade. O que ele cobra no jogo não é nada diferente do que fazemos nos treinos. Ele disse para mim que estou chegando agora, para eu ter calma, para agir com responsabilidade e para eu tomar a decisão que eu precisar tomar na hora. Ele está me dando bastante confiança e me deixando bastante tranquilo.

Leia também: Mascarenhas está próximo do retorno

Para desenvolver os fundamentos com os pés, os goleiros do Fluminense frequentemente participam dos treinos na linha. No de ontem, segunda-feira, Muriel marcou até um gol. Nem precisa tanto. O Fluminense trabalha no CTPA até sexta-feira, quando viaja para Minas Gerais para enfrentar o Galo no Horto no sábado às 21h.

Seja sócio futebol e obtenha até 100% de desconto na bilheteria em todos os jogos do Flu como mandante. Nossa hora é agora. Clique aqui e faça já o seu plano! 

Por: Marcelo Savioli às 07:23

Foto: Lucas Merçon (Fluminense Football Club)

2019-08-06T14:36:26+00:00 agosto 6th, 2019|

Deixar Um Comentário