Athlético PR x Fluminense – Líderes em posse de bola duelam por transformar estatísticas em resultados no Campeonato Brasileiro

A combinação de fundamentos é excelente. O Athletico PR é o líder em posse de bola, com 60%, enquanto o Fluminense é o segundo, com 59%. O Atlético é o time que mais chuta a gol. Foram 99 arremates, contra 90 do rival. O Fluminense, ao lado do Palmeiras, era o ataque mais eficiente, com 12 gols, pelo menos até o início da sétima rodada, quando foram superados pelo Flamengo, que, com um gol a mais, chegou a treze.

Flamengo e Palmeiras, intrusos no jogo das estatísticas, são, simplesmente, o segundo e o primeiro colocado na competição. Diante disso, é estranho constatar que o Athlético é apenas o 12º colocado, com 7 pontos e 38,9% de aproveitamento, enquanto o Fluminense, com 6 pontos, é o 15º colocado, com somente 33,3% de aproveitamento.

O desafio de ambas as equipes na Arena da Baixada é começar a mudar esse quadro e transformar estatísticas em resultados. Não falta qualidade a Athlético e Fluminense, que farão um dos jogos mais aguardados do Brasileiro. O problema das duas equipes é tentar descobrir onde está o problema, o ponto onde as estatísticas e os resultados se encontram. O jogo da tarde deste domingo poderá oferecer a resposta para um dos lados. O perdedor ficará em situação delicada na briga pelo topo da tabela, cada vez mais distante.

Times alternativos

Para completar, Fluminense e Athlético vêm de duros compromissos internacionais no meio de semana e disputarão, na próxima quarta-feira, uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil, contra Cruzeiro e Fortaleza, respectivamente. Por conta disso, ambas as equipes terão que poupar jogadores.

O Fluminense viajou sem alguns titulares. Além de Agenor, suspenso, Diniz não terá Gilberto, Luciano e Paulo Henrique Ganso, todos poupados pela fisiologia. Com isso, o Mais Amado do Brasil deve entrar em campo com: Rodolfo; Ygor Julião, Nino, Matheus Ferraz e Mascarenhas; Allan, Caio Henrique, Daniel e Léo Artur; Yony González e João Pedro.

O Athlético também deve poupar jogadores. Além de Thiago Heleno e Camacho, afastados por doping, Tiago Nunes deve poupar o lateral Jonathan, o volante Lucho Gonçalvez e o zagueiro Paulo André. A provável formação paranaense é: Santos; Madson (Khellven), Lucas Halter, Léo Pereira e Renan Lodi; Erick, Bruno Guimarães e Tomás Andrade; Marcelo Cirino, Rony e Marco Ruben (Thonny Anderson).

Wagner Reway apitará Atlético PR x Fluminense. O paraibano será auxiliado pelo conterrâneo Oberto da Silva Santos e pelo paulista Márcio Henrique de Gois.

Seja sócio futebol e obtenha até 100% de desconto na bilheteria em todos os jogos do Flu como mandante. Nossa hora é agora. Clique aqui e faça já o seu plano!

Redação às 00:07

2019-06-02T12:44:12+00:00 junho 2nd, 2019|

Deixar Um Comentário